33°

Tempo aberto

Rondonópolis - MT

Rondonópolis RONDONÓPOLIS

Câmara aprova projeto para realização de concurso público

O contrato com a realizadora do concurso deve ser assinado assim que o projeto for publicado em Diário Oficial e este deverá ser o primeiro concurso público realizado pela instituição, que se emancipou da UFMT recentemente.

17/06/2022 às 02h33
Por: Redação Fonte: Assessoria
Compartilhe:
Câmara aprova projeto para realização de concurso público
Os vereadores rondonopolitanos aprovaram ontem (15/6), em primeira votação, o projeto de lei 01/2022, de autoria da Mesa Diretora da Câmara, que faz uma reestruturação no organograma funcional da Casa e abre caminho para a realização do concurso público para cerca de 50 cargos.
O projeto deverá passar por uma segunda votação na semana que vem, e depois de publicado em Diário Oficial, a Câmara iniciará as tratativas para a contratação da Universidade Federal de Rondonópolis (UFR), que ficará responsável pela realização do concurso.
De acordo com o vereador Roni Magnani (PSB), presidente da Câmara, esse concurso público já vem sendo planejado há algum tempo e, nesse período, foram feitos estudos e enxugamento no número de funcionários comissionados.
“Essa Mesa Diretora diminuiu 102 cargos comissionados para que a gente pudesse reequilibrar o quadro funcional da Câmara. Esse concurso vai abrir cerca de 50 vagas e, com isso, vamos ter um número próximo de concursados e funcionários comissionados”, explicou.
Magnani explicou ainda que esses novos funcionários serão fundamentais no processo de modernização da Câmara, que pretende investir na digitalização dos processos internos e até na criação de um aplicativo de celular, que deve melhorar a comunicação entre o Legislativo e a população, entre outras medidas.

CARGOS DISPONIBILIZADOS

Esse concurso público, que deverá ser realizado pela UFR, deverá disponibilizar cerca de 50 vagas, sendo uma parte para o cargo de agente administrativo, que exigirá nível médio, e para oficial administrativo, que exigirá nível superior, além de duas vagas para procurador e duas para controlador interno.
O contrato com a realizadora do concurso deve ser assinado assim que o projeto for publicado em Diário Oficial e este deverá ser o primeiro concurso público realizado pela instituição, que se emancipou da UFMT recentemente.
“Nós escolhemos a UFR primeiro por ser a nossa universidade federal. E, é claro, que também por conta da sua confiabilidade e pelo respeito que goza junto à sociedade local e regional”, afirmou Roni Magnani.
A ideia é que esse concurso seja realizado nos próximos meses e os aprovados sejam convocados ainda este ano. Esse concurso também atende a uma determinação judicial que exigiu que a Câmara aumentasse o percentual de funcionários concursados.
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.