23°

Pancada de chuva

Rondonópolis - MT

Política ELEIÇÕES 2022

Pelo menos quatro vereadores trabalham para disputar cargo nas eleições deste ano

Vereadores trabalham com candidaturas para este ano

03/01/2022 às 08h36
Por: Redação Fonte: Lucas Franco Perrone/ Primeira Hora
Compartilhe:

Um levantamento feito pelo Primeira Hora mostra que há possibilidade de pelo menos quatro vereadores saírem candidatos nas eleições deste ano.

Um deles é o presidente do Legislativo, Roni Magnani (SD) que trabalha uma candidatura a deputado estadual.

Roni que está filiado ao Solidariedade ainda estuda por qual sigla pode disputar, pois ele mesmo não descarta, por exemplo, uma filiação ao PSB.

Roni pode disputar no Solidariedade ou PSB

 No entanto, o vereador aposta também no apoio do prefeito Zé Carlos do Pátio (SD) para garantir a entrada na disputa.

Pátio trabalharia como uma espécie de cabo eleitoral principal de Roni.

Por outro lado, outro vereador que poderá estar nas urnas eletrônicas no ano que vem é o Subtenente Guinancio (PSDB), ele fala abertamente que pensa em entrar na disputa por uma cadeira na Assembleia.

Guinancio aposta nos votos da direita

 Com perfil direitista, Guinancio aposta justamente no voto da direita para surpreender  e sentar em uma das 24 cadeiras do parlamento estadual de Mato Grosso.

A vereadora Marildes Ferreira (PSB) também está com nome à disposição para concorrer no ano que vem.

Ela deve disputar uma cadeira no parlamento estadual ou até mesmo federal.

Marildes, quando foi candidata em 2018, foi a mais votada em Rondonópolis

 Marildes que tem atuação forte na saúde, educação e na defesa de políticas públicas para mulheres.

Nas eleições de 2018 quando concorreu ao cargo de deputada federal, Marildes teve 19.194 votos em Rondonópolis, superando Jose Medeiros que teve 17131 votos na cidade e Nelson Barbudo.

Ela somou no geral 25.730 votos. Atualmente, a vereadora é suplente o deputado Dr Leonardo.

 

Júnior não descarta ser candidato à federal

 Por outro lado, o vereador Junior Mendonça também não descarta entrar como candidato a federal pelo PT.

Mendonça, no entanto, somente entraria na disputa em uma situação de confederação onde o PT estaria junto com o partido em que o vereador Roni Magnani fosse disputar.

O motivo é que Roni tem compromisso em apoiar Roni por uma cadeira na Assembleia Legislativa e faria uma dobradinha com o presidente da Câmara.

Histórico

O último vereador a conquistar uma vaga no parlamento estadual foi Thiago Silva no ano de 2018.
Silva foi o primeiro vereador a conquistar uma vaga na AL, após 20 anos, Antes em 1998, o atual prefeito Zé Carlos do Pátio saiu da Câmara para a AL.

Na Câmara Federal, a situação é mais complexa.

O último parlamentar municipal eleito para a Câmara Federal, foi Augustinho de Freitas, que venceu a eleição em 1990, quando era filiado ao PTB

. Augustinho havia sido eleito vereador em 88 pelo MDB.

Portanto, há 32 anos um vereador de Rondonópolis não é eleito deputado federal.

Augustinho ainda foi prefeito de Pedra Preta e tentou sem sucesso em 98, retornar à Câmara Federal.

Nas eleições passadas, os  então vereadores Fabio Cardozo e Elton Mazzet tentaram sem sucesso uma cadeira na Câmara Federal.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Rondonópolis - MT Atualizado às 07h36 - Fonte: ClimaTempo
23°
Pancada de chuva

Mín. 23° Máx. 30°

Sex 29°C 22°C
Sáb 30°C 22°C
Dom 30°C 22°C
Seg 30°C 21°C
Ter 31°C 23°C
Anúncio
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes