E-mail

contato@radardacidade.com.br

WhatsApp

............

Tropical - TOPO
TEMPORAL

Chuva derruba árvores e alaga ruas e pronto-socorro de Cuiabá

Região da Prainha ficou quase submersa; vídeos mostram que Prainha se transformou num rio

10/01/2021 15h56
Por: Redação
Fonte: FolhaMax

A chuva que caiu sobre a capital mato-grossense neste domingo (10) provocou alagamentos e causou prejuízos em diversos pontos cidade. Imagens que circulam nas redes sociais e grupos de WhatsApp flagraram a Avenida Tenente Coronel Duarte (Prainha) totalmente alagada.

Devido a problemas no sistema de escoamento, a água inundou toda a via. A estação de ônibus Ipiranga, que é denominada como uma das mais modernas, também acabou sendo submersa. A região do Shopping Popular também foi inundada.

 

De acordo com o sd. Dias do Corpo de Bombeiros, duas mulheres ficaram presas dentro do veículo em frente ao supermercado Comper. Por telefone, a motorista pediu socorro aos brigadistas informando que havia uma idosa dentro do carro e que por conta de dificuldades de mobilidade, não conseguia deixar o automóvel. 

Durante o temporal, um veículo Gol preto que passava pelo centro precisou ser empurrado. Apesar da situação adversa, um homem aproveitou da situação para escorregar meio a na correnteza. 

 
 

Ainda no Centro da capital, o prédio do grupo Energisa teve a fachada destruída por árvores que caíram durante o vendaval. A vegetação acabou atingindo alguns veículos que estavam estacionados em frente à concessionária, na rua Manoel dos Santos Coimbra. 

Outro ponto de alagamento foi registado por moradores da região do Barão de Melgaço. No local, o córrego situado no 8 de Abril, acabou transbordando. 

A chuva também atingiu as instalações do Pronto-Socorro de Cuiabá, que atualmente é utilizado como unidade de referência para atendimento a paciente com o novo coronavírus. A enxurrada acabou invadindo as instalações da unidade médica. Com isso, os elevadores também acabaram sendo submersos. 

O QUE DIZ A PREFEITURA 

Por meio de nota, a Prefeitura de Cuiabá afirmou que tem feito a limpeza preventiva das bocas de lobos, para sanar os impactos ocasionados pela chuva. De acordo com a Secretaria de Obras Públicas, esse trabalho é diário e, conforme relatório, tem resultado em uma média de 115 manutenções por mês.  

Para minimizar os impactos do temporal de hoje, foi montada uma força-tarefa que já está atuando nas quatro regiões da cidade.  

Em relação ao Pronto-Socorro de Cuiabá, a Secretaria Municipal de Saúde admitiu que a estrutura é antiga e apresenta problemas. Conforme a pasta, uma equipe está atuando para diminuir os danos causados nos locais atingidos pelo alagamento no hospital.     

A SES reiterou também que não houve prejuízos ao tratamento dos pacientes, que estão devidamente acomodados e assistidos. Por fim, declarou que existe um projeto para uma grande reforma do antigo PS, para ser transformado no Hospital da Família, o que ainda não foi possível diante a pandemia. 

NOTAS

A Secretaria Municipal de Saúde informa:

-A gestão reconhece que prédio do antigo Pronto Socorro (atual Hospital de Referência COVID-19) é uma estrutura antiga, que apresenta problemas. Como já é de conhecimento de todos, existe um projeto para uma grande reforma do antigo PS, para ser transformado no Hospital da Família, mas neste momento de enfrentamento ao coronavírus é necessário que o prédio seja usado para os pacientes. 

-Seguindo o princípio da economicidade a Prefeitura adequou este prédio para ser o Hospital Referência para COVID-19 e, em razão da pandemia já estar em curso, uma parte da estrutura foi reformada para ter condições de abrigar os pacientes. 

-Cuiabá possui 95 leitos de UTI do Hospital Referência, 40 do São Benedito, somando um total de 135 leitos de UTI.

-Neste momento a Secretaria Municipal de Saúde está trabalhando para diminuir os danos causados nos locais atingidos pelo alagamento no hospital.                                              -A Secretaria de Saúde reitera que não houve prejuízos ao tratamento dos pacientes, que estão devidamente acomodados e assistidos.

Secretaria de Obras Públicas informa:

- Tem trabalhado continuamente, de forma preventiva, para sanar os impactos ocasionados pela chuva. *Na próxima segunda (11), o secretário de Obras de Cuiabá, José Roberto Stopa, irá se reunir com equipe da Universidade Federal de Mato Grosso e Conselho Regional de Engenharia tendo como finalidade a discussão sobre projeto para drenagem fluvial das avenidas Tenente-coronel Duarte e XV de Novembro com lançamento no Rio Cuiabá, garantindo a resolução de um problema histórico;

- válido citar que a equipe técnica responsável pelo escopo do projeto atuou no ano de 2017 garantindo a solução de um problema recorrente de alagamento nas imediações do viaduto da UFMT; 

- Oportuno destacar que o serviço de limpeza das bocas de lobo distribuídas em todas as regiões da cidade é diário e, conforme relatório da Secretaria, tem resultado em uma média de 115 manutenções por mês. 

- Visando intensificar esse trabalho, foi montada uma força-tarefa que já está atuando nas quatro regiões da cidade, inclusive aos fins de semana. 

- Essa força-tarefa tem trabalhado principalmente nos pontos considerados mais críticos, monitorados pela Defesa Civil, Secretaria de Obras Públicas e Limpurb. 

- A Avenida Ten. Cel. Duarte (Prainha) é das que recebem essa atenção constantemente e receberá ao longo desta semana uma nova ação de manutenção em suas bocas de lobo. 

- Além disso, a substituição do sistema de drenagem antigo também é uma das atividades que, dentro das possibilidades orçamentárias, o Município tem buscado avançar. 

- A Prefeitura também possui o planejamento de continuar avançando com esse trabalho, na medida em que novos recursos estiverem disponíveis.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.